É preciso ser famoso? Versão 2.0

Glória. Dinheiro. Oportunidades. É isso que a incessante busca pela fama nos oferece. Mas até que ponto é “saudável” ser famoso? Até que ponto isso é bom? As pessoas não param pra pensar nisso, elas só querem atingir o mais rápido possível o topo da pirâmide, sem nenhum efeito colateral. Este é um assunto que precisa ter uma certa cautela, pois, sendo observado durante todo tempo, faz você esquecer dos atos que para os outros podem ser o estopim para sua vida desmoronar.

Por exemplo, os brasileiros e a maioria da população mundial, são praticantes da uma modalidade, que se chama ‘voyeur’. O que é ‘voyeur’? É o exercício de observar as pessoas notórias por um tempo, pra ver como elas se comportam, como elas se vestem, o que elas fazem. E uma grande parte da sociedade, se espelha nessas pessoas, buscando a qualquer custo, o reconhecimento. Mas será que tudo isso não faz parte da alienação territorial? A alienação essa que faz com que culturas estrangeiras adentrem em nosso território, manipulando de certa formas os costumes e culturas nacionais. Tentando impor o cotidiano deles no nosso, como é o caso das tele-novelas, palavras estrangeiras que estão praticamente se tornando parte do nosso vocabulário, entre outras coisas. E uma grande proporção da sociedade não percebe isso e continua dando créditos a essas culturas alheias, fazendo com que cresçam e a nossa própria cultura se perca nesse labirinto que a globalização está fazendo. Com o aumento da tecnologia, tudo está chegando a todos lugares com uma velocidade incrível, gerando uma geração promiscua, que tão cedo deseja ser igual as pessoas que são vistas na televisão.

Entretanto, não podemos negar que a fama, nos traz um sentimento bom de poder e proteção. Mas é uma sensação ilusória, pois, as pessoas que retém uma alta notoridade na sociedade, são alvos fáceis para as criticas, para os boatos e também para a prática de violência. Afinal, ela não pode agradar a todos e muito menos fazer que a grande parte da população (que vive na miséria) entenda o porque do seu dinheiro. E é exatamente esse ponto que atingi a grande parte dos famosos: dinheiro versus felicidade. Será que realmente eles são felizes? Muitos são tratados como marionetes pelos seus empresários, que só pensam em acumular mais riquezas e esquece que aquela pessoa, possui sentimentos como outra qualquer. Porém, ela não pode reclamar, tem que ver tudo passar. Não tem controle sobre sua vida, que é guiada apenas por horários e compromissos. Pense nisso, pois a vida é muito importante, pra ser exposta a um jogo de sorte, que nem sempre, você vence.

Etiquetas:

Uma resposta to “É preciso ser famoso? Versão 2.0”

  1. carolina Says:

    BOM,AO LE ESSA REDAÇÂO APRENDI Q SER FAMOSO NEM SEMPRE É BOM!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: